Galeria


Últimos assuntos
» Canal History - Sobre Ovnis e as caixas pretas
Qua Mar 04, 2009 12:51 pm por AlchemaX

» Angels and Demons
Qua Fev 25, 2009 2:59 pm por AlchemaX

» Céu de Marte afinal é azul!
Ter Fev 24, 2009 4:56 am por Paine

» Avistamentos recentes captados por videocamera
Sab Fev 21, 2009 4:44 pm por Paine

» Deixe aqui uma sugestão.
Ter Fev 17, 2009 11:54 am por Haunebu

» Abdução no Brasil dá origem a monumento em 2008
Ter Fev 17, 2009 11:52 am por Haunebu

» Duncan Forgan afirma existirem 38 mil planetas com vida
Dom Fev 15, 2009 8:18 pm por AlchemaX

» Janeiro de 2004 - Foi descoberta vida microbiológica em Marte!
Dom Fev 15, 2009 8:07 pm por AlchemaX


Janeiro de 2004 - Foi descoberta vida microbiológica em Marte!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Acredita que haverá vida animal em Marte?

0% 0% 
[ 0 ]
100% 100% 
[ 2 ]
 
Total dos votos : 2

Janeiro de 2004 - Foi descoberta vida microbiológica em Marte!

Mensagem por AlchemaX em Dom Fev 15, 2009 8:07 pm



A NASA (agência espacial americana) disse que seu veículo explorador Spirit descobriu evidências da existência, no passado, de um ambiente na superfície de Marte que pode ter sido perfeito para o desenvolvimento de vida na forma de micróbios.

Segundo os pesquisadores, a descoberta foi feita por acaso, em Maio, quando o robô acabou varrendo o solo em se encontrava, quando uma de suas rodas ficou presa durante manobras na superfície do planeta.

Foi então que se notou um material brilhante, que, após análise por instrumentos no Spirit, descobriu-se que se tratava de sílica quase pura - o principal ingrediente para a formação do vidro.

A Nasa concluiu que os depósitos do material provavelmente foram produzidos quando uma fonte de água quente ou de vapor ácido entrou em contacto com rochas vulcânicas.

O anúncio da NASA, qualificado como uma das descobertas mais significativas do Spirit na superfície de Marte, foi feito em reunião da União Geofísica Americana (AGU, na sigla em inglês) em São Francisco.

Na Terra, locais com essas características tendem a ser prolíficos em bactérias.

"A coisa importante é que as implicações para a habitabilidade de Marte no passado são as mesmas", explicou Steve Squyres, cientista que chefia a missão.

O veículo, que aterrou na superfície do planeta em 2004, não é equipado para informar se já existiu vida neste local, mas Squyres, cientista que chefia a missão, disse no encontro de São Francisco que uma futura missão deve tentar trazer amostras do material para a Terra para análise.

Se tiverem existido bactérias marcianas no local, elas podem ter sido preservadas como minúsculos fósseis, disse o cientista.

"Uma das grandes coisas sobre estes depósitos é que a água quente propicia um ambiente em que os micróbios podem se desenvolver, e a precipitação da sílica os envolve e preserva."

Tanto a Spirit quanto um outro robô semelhante, Opportunity, continuam a trabalhar por muito mais tempo do que sua missão previa, que era de 90 dias.

Opportunity está numa outra área do planeta.

A descoberta de cristais de silício, realizada pelo veículo explorador Spirit na superfície de Marte, surpreendeu os cientistas da Nasa, que agora tentam determinar a sua origem.

Na Terra, o cristal de silício geralmente é produzido de forma natural como resultado de um ambiente de correntes sulfurosas ou de gases que brotam de fissuras no solo. Nos dois casos, a vida microbiana se multiplica em torno dessas correntes, segundo os cientistas do Laboratório de Propulsão a Jacto (JPL).

"Quaisquer que tenham sido as condições que produziram esta concentração de cristais de silício, eles são provavelmente a descoberta mais importante da Spirit, ao revelar que existiu um lugar em Marte onde a vida poderia ter surgido", disse Steve Squyres, cientista principal da missão dos veículos exploradores da Nasa em Marte.

Segundo Squyres, é provável que os cristais de silício tenham sido produto de géisers como os que existem no Havaí e Islândia.

No outro extremo do planeta, a sonda Opportunity continua a prospecção de uma cratera perto de camadas ricas em enxofre. Os cientistas esperam receber informação sobre as primeiras condições ambientais de Marte.

As camadas ricas em enxofre são uma prova de que no passado o planeta se caracterizou por um ambiente húmido e ácido.

Segundo Ray Arvidson, um dos cientistas da missão, as sondas que exploram Marte mostraram jazidas de minerais argilosos sob as camadas de material sulfúrico. Elas constituem uma indicação de condições menos ácidas e de uma mudança de um sistema mais hidrológico, com chuvas, a outro mais árido.

Os veículos exploradores da Nasa desceram em Marte em Janeiro de 2004.

Cool

Para saber mais sobre temas relacionados com a Spirit e o que a NASA anda a fazer por Marte, consulte estes links:

Spirit na Wikipédia
Nasa - última notícia publicada sobre a Spirit
avatar
AlchemaX
Admin
Admin

Mensagens : 12
Data de inscrição : 14/02/2009
Idade : 35
Localização : Porto - Portugal

Ver perfil do usuário http://ovnilogic.in-goo.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum